A Polícia Civil desencadeou nessa quinta-feira, 29, a Operação ‘Cativo’ e prendeu três pessoas em Poá e na Zona Leste de São Paulo. De acordo com a investigação, dentre os presos, um é réu confesso de ter abusado sexualmente da filha, quando ela ainda era criança.
A ação, realizada por policiais da Delegacia de Poá, foi voltada ao cumprimento de mandados de prisão preventiva, sendo dois criminais e um civil – pensão -, além da recuperação de um veículo produto de irregularidades.
Um dos presos foi encontrado no bairro da Penha, Zona Leste de São Paulo. Segundo a polícia, o indivíduo é acusado de abusar sexualmente de uma das filhas. Os abusos teriam se estendido por anos, de acordo com a investigação.
Fontes ouvidas apontam que esta foi a prisão mais importante, pois, o homem é réu confesso. Em uma oportunidade passada, ele foi até à delegacia revelar os crimes. Na época, afirmou que se arrependeu dos atos, após ter se convertido numa igreja.
Nos últimos dias, a polícia tem intensificado cumprir mandados de prisão em aberto em Poá. A polícia frisou que novas operações relâmpago deverão ser deflagradas, tendo como objetivo capturar mais criminosos.

Leave a Reply