O prefeito Rodrigo Ashiuchi e o secretário de Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego, André Loducca, realizaram nesta quarta-feira (22/07) entrega simbólica da Carteira Municipal do Artesão a quatro membros da categoria. Houve também a participação da primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Larissa Ashiuchi.


Crédito das fotos: Irineu Junior/Secop Suzano

O encontro ocorreu no gabinete principal do Paço Municipal com poucos representantes por causa da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). A medida é resultado da segunda chamada pública para cadastramento desses profissionais e integra o Programa Municipal de Valorização do Artesanato e do Artesão de Suzano. Desta vez, 110 profissionais foram habilitados.

A artesã Ivonete Veríssimo Santiago classificou como uma grande conquista para o setor. “É um documento que nos deixa seguros e eleva a nossa autoestima. Lutamos muito tempo pelo reconhecimento do nosso trabalho e só podemos agradecer esta gestão, que passou a nos olhar com respeito e carinho”, disse.

A iniciativa tem base na lei municipal nº 5.177/2019, que instituiu o Programa Municipal de Valorização do Artesanato e do Artesão de Suzano. A atuação em conjunto entre as Secretarias de Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego e de Cultura e o Serviço de Ação Social e Projetos Especiais (Saspe) permite que trabalhadores participem de eventos promovidos pelo Poder Público, paralisados neste momento devido à quarentena.

“Sabemos do valor do trabalho dos artesãos que colocam muito amor em cada detalhe de suas peças. Trabalhamos em conjunto para dar atenção a este setor da economia que tanto necessitava. Sejam muito bem-vindos e agradeço a todo o grupo pela participação”, disse Larissa.

Agora, o programa totaliza 266 profissionais que receberam a Carteira Municipal do Artesão. “Este documento estreitou a relação do artesão com a cidade e traz geração de renda e dignidade ao trabalho. Todos que conquistaram a carteirinha se empenharam e mostraram talento. Este é um segmento importante para o desenvolvimento do município e proporciona muitas oportunidades”, destacou Loducca.

Ashiuchi ressaltou que este foi um grande avanço da gestão, principalmente para organizar o trabalho deste público e relembrou que os projetos voltados ao setor, como a Loja e a Casa do Artesão, continuam na programação, porém tiveram que ser adiados em razão da pandemia da Covid-19.

“Infelizmente, demos uma pausa nessas ações por causa das orientações dos órgãos de Saúde, mas o nosso compromisso com os artesãos é grande e por isso a prioridade também é retomar os planos que já estavam em andamento assim que possível, bem como a participação nos eventos do município com a exposição dos produtos”, completou.

Serviço

Para se cadastrar junto à Comissão de Promoção do Artesanato de Suzano, o interessado deve comparecer ao Centro Unificado de Serviços, o Centrus (avenida Paulo Portela, 210, 2º andar, sala 211 – Centro), de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas. Após a inscrição, o solicitante será informado sobre cursos voltados ao empreendedorismo dentro da área de atuação e futuros chamamentos para habilitação e emissão da Carteira Municipal de Artesão.

Leave a Reply